Informação, dicas, entretenimento, curiosidades e mais um pouco de tudo !

Mostrando postagens com marcador dinheiro finanças. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador dinheiro finanças. Mostrar todas as postagens

sábado, 26 de setembro de 2020

Pix, pagamentos instantâneos, transferencias rápidas e descomplicadas !


  Atualmente com a grande crescente forma que lidamos com dinheiro surge necessidade de meios para facilitarem e melhorarem tecnologias atuais, e o Pix é a nova função dos bancos para um requisito necessário hoje, rapidez.


 O que é o Pix ?


 Anunciada pelo Banco Central o Pix é o novo sistema de transferências bancarias com um custo menor em relação ao TED que em algumas situações tem taxas que os valores passam de R$ 20,00, o que não é muito lucrativo em relação a quantidades, outras maneiras de pagamentos/transferências é o TED, ou direto em agencia, esta ultima consumindo parte do seu tempo.

Quando o Pix vai começar a funcionar ?

 Com o Pix em seu smartphone ou computador você pode realizar pagamentos de forma fácil e instantânea, o serviço vai começar seu funcionamento no dia 16 de novembro deste ano 2020 e tornar os serviços anteriores mais obsoletos do que já são.

  O serviço vai ser disponibilizado por bancos e fintechs, e os pagamentos poderão ser através de :

 - QR code

-Chaves de identificação.

 Estas determinadas pelo usuário, dispensando toda aquele preenchimento de dados.

-NFC


Share:

quarta-feira, 16 de setembro de 2020

Prorrogação seguro desemprego: Veja quem tem direito.



  Devido a pandemia causada pelo COVID-19 (corona-vírus) muitas empresas acabaram fechando as portas e demitindo seus funcionários.

 Com esse conhecimento a PL 3.618/2020 de autoria do deputado Bohn Gass (PT-RS) tem como objetivo aumentar em mais duas parcelas do seguro desemprego, que atualmente podem ser entre 3 e 5 parcelas, podendo se aprovado a prorrogação chegar em sete parcelas nos casos dos desempregados que recebem cinco.


 Quem poderá receber a segunda parcela do seguro desemprego ?

 Vão poder receber o beneficio se aprovada a prorrogação das parcelas, funcionários que foram demitidos sem justa causa entre 20 de março a 31 de dezembro deste ano.



Share:

MagazineUPOU

Trabalhe em casa como afiliado !

Siga por Email